terça-feira, 18 maio 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

Vereador é preso no Rio suspeito da morte de menino

Mãe da criança também foi presa

08/04/2021 06:31:55

Policiais civis prenderam nesta quinta-feira (8) o vereador da cidade do Rio de Janeiro, Dr. Jairinho (SD) e Monique Medeiros, mãe do menino Henry Borel, de 4 anos, morto há um mês. As prisões ocorreram na investigação da morte da criança, há um mês, no apartamento do vereador, na Barra da Tijuca. Segundo a polícia, a criança foi assassinada. O casal alega que a morte do menino foi acidente.

De acordo com o G1, a polícia descobriu que Dr. Jairinho agredia o menino com chutes e golpes na cabeça e que a mãe sabia disso pelo menos desde fevereiro. O casal também é suspeito de atrapalhar as investigações e de ameaçar testemunhas para combinar versões. As ordens de prisão foram expedidas pelo 2º Tribunal do Júri da Capital. A prisão é temporária, por 30 dias.

Os investigadores passaram a acompanhar os passos do casal há dois dias, descobrindo que eles não dormiriam na casa de parentes em Bangu, no Rio, como vinha acontecendo desde a morte do menino, quando deixaram o condomínio na Barra da Tijuca.

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que Henry morreu de “hemorragia interna e laceração hepática [danos no fígado] causada por uma ação contundente [violenta]”. Além do laudo cadavérico, a Polícia Civil tem em mãos mais uma prova técnica que desmonta a tese de acidente. (Foto: Reprodução)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

20:08 Polícia