segunda-feira, 21 junho 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Cidades

Smac quer organizar doação de alimentos à população de rua

Reunião discute formas de atendimento mais efetivo

12/05/2021 11:03:58

Com objetivo de organizar a distribuição de alimentação para população em situação de rua em Volta Redonda, a Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac) organizou encontro com grupos da sociedade civil que fazem este trabalho voluntário. Esta foi a primeira reunião com o secretário da pasta, Munir Francisco, a coordenadora do Serviço Especializado em Abordagem Social da secretaria, Joveline Batista Tomaz, e outros representantes da Smac para que a ação possa beneficiar um maior número de pessoas.

De acordo com Munir, o poder público reconhece estes grupos como parceiros na assistência à população em situação de rua na cidade. “A ideia é organizarmos a ação para que seja mais efetiva”, disse, lembrando que, sem comunicação entre os doadores, acontece de um grupo de pessoas receber mais de uma refeição por dia e outros ficarem sem nenhuma. 

Uma das sugestões é centralizar a distribuição em um local.  “No Aterrado, é possível disponibilizar a estrutura do Centro Pop, por exemplo, para a entrega de marmitas. E assim, também vamos definir um lugar para entrega da alimentação em outros pontos que concentram população em situação de rua”, explicou, lembrando que também é preciso definir os dias que cada grupo fará a distribuição e em qual bairro. 

“Esta foi uma conversa inicial com os representantes de igrejas, centros espíritas e pessoas que atuam independentes, entregando comida a este público. Nós, da secretaria, também escutamos sugestões para na próxima reunião apresentar um planejamento para operacionalizar a distribuição voluntária de alimentação na rua”, completou Joveline Tomaz.

O Serviço Especializado em Abordagem Social é ligado ao Deps (Departamento de Proteção Especial) da Smac, e promove busca ativa às pessoas em situação de rua com objetivo de estabelecer vínculos de confiança para ingressarem na rede de proteção do município ou promover a reinserção familiar. A equipe é formada por assistente social, psicólogo e educador social. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

05:41 Cidades