quinta-feira, 18 agosto 2022
Fale Conosco | (24)3343-5229

Nacional

MP investiga cachê pago a sertanejos em 24 cidades do Mato Grosso

Maioria dos shows é contratada por cidades pequenas por altos valores

03/06/2022 10:50:28

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso está investigando o cachê pagos a cantores sertanejos por prefeituras de 24 cidades. A apuração ocorre nas cidades de Sorriso, Gaúcha do Norte, Porto Alegre do Norte, Figueirópolis D’Oeste, Nortelândia, Salto do Céu, Alto Taquari, Novo São Joaquim, Nova Mutum, Sapezal, Canarana, Acorizal, Brasnorte, Água Boa, São José do Xingu, Vera, Barra do Garças, Juína, Querência, Bom Jesus do Araguaia, Santa Carmem, Matupá, Nova Canaã do Norte e Novo Horizonte do Norte.

A polêmica em torno dos cachês milionários pagos a artistas por prefeituras começou no dia 13 do mês passado, quando, num show em Sorriso, o cantor Zé Neto, da dupla com Cristiano, para criticar a cantora Anitta, disse que os sertanejos não precisam da lei de incentivo à cultura, conhecida como Lei Rouanet.

“Nós somos artistas que não dependemos de Lei Rouanet. Nosso cachê quem paga é o povo. [...] A gente não precisa fazer tatuagem no 'toba' para mostrar se a gente está bem ou não. A gente simplesmente vem aqui e canta, e o Brasil inteiro canta com a gente”, declarou Zé Neto, no palco do evento bancado com dinheiro público.

A declaração do artista gerou uma onda de exposições dos cachês astronômicos pagos a cantores sertanejos com verbas de prefeituras de cidades de pequeno ou médio portes. Nesse sentido, Gusttavo Lima – considerado "Embaixador" do gênero musical e que "ostenta" o título do cachê mais caro do Brasil – teve seus pagamentos expostos nas redes sociais e na mídia, e que resultaram em investigações do Ministério Público.

Conforme o procurador-geral José Antônio Borges Pereira, o objetivo da apuração é ter "acesso à remessa da cópia integral do procedimento gerado a todos os promotores de Justiça que detenham atribuição na defesa do patrimônio público e da probidade administrativa nas comarcas citadas (...), para conhecimento e providências (...)".

Cancelados - Com os cachês na mira das diligências do Ministério Público, o cantor Gusttavo Lima fez uma transmissão ao vivo no Instagram, no fim da noite de segunda-feira (30). Em pronunciamento que durou pouco mais de 20 minutos, o astro do sertanejo disse que nunca se beneficiou com dinheiro público. No final, ele chorou e qualificou os episódios recentes como uma "perseguição". "Não é porque é uma prefeitura que vou deixar de cobrar o meu valor, pois tenho contas e funcionários para pagar. Quando o boleto chega no fim do mês, não tem choro e não tem vela", enfatizou o sertanejo.

O cantor Zé Neto entrou na live de Gusttavo Lima e assumiu a responsabilidade pela polêmica. "Cara, quem tem que dar satisfação sou eu, irmão. Tô (sic) atravessando uma fase ruim, sou seu irmão, não precisa se explicar, joga para mim, irmão. Não tem nada a ver com você", comentou.

No último sábado )28), a prefeitura de Conceição do Mato Dentro, na Região Central de Minas, anunciou o cancelamento dos shows de Gusttavo Lima e da dupla Bruno e Marrone na 30ª Cavalgada do Jubileu do Senhor Bom Jesus do Matozinhos, que ocorrerá entre 17 e 23 deste mês. A decisão do Executivo ocorreu após vir a público que a gestão municipal faria uso indevido dos valores da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem) para pagar os cachês dos artistas, que, somados, correspondem a R$ 1,72 milhão.

Além dos pagamentos fixados para Gusttavo Lima e a dupla, que acabaram tendo suas apresentações canceladas, Simone e Simaria (R$ 520 mil), Israel e Rodolffo (R$ 310 mil), Padre Alessandro Campos (R$ 162 mil), Di Paullo e Paulino (R$ 120 mil), João Carreiro (R$ 100 mil) e Thiago Jhonathan (R$ 90 mil) estão entre as principais atrações que seguem mantidas no evento. Todos os cachês, conforme a prefeitura, serão pagos com recursos do Cfem. A reportagem é do Estado de Minas. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

12:58 Polícia