sexta-feira, 30 julho 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

Morre Ecko, chefe da maior milícia do Rio de Janeiro, baleado pela polícia

12/06/2021 09:55:29

Wellington da Silva Braga, o "Ecko", chefe da milícia em atividade do estado do Rio de Janeiro, morreu após ser baleado dentro de uma casa de parentes na manhã deste sábado (12), na Comunidade das Três Pontes, em Paciência, Zona Norte do Rio. A ação que resultou na morte do miliciano foi denominada "Operação Dia dos Namorados".

Segundo informações da TV Globo, Ecko chegou a ser socorrido após ser baleado, mas não resistiu. A caçada ao chefe da milícia teve sinal verde para começar na quinta-feira (10). As informações de inteligência, reunidas após quase seis meses de investigações, indicaram que este 12 de junho seria a data ideal para capturar o miliciano.

Ecko transformou-se no homem mais procurado do país desde que assumiu e expandiu os negócios de seu irmão, Carlos Alexandre da Silva Braga, o Carlinhos Três Pontes, morto em um confronto também com a Polícia Civil, em abril de 2017. A quadrilha de Ecko domina boa parte da Zona Oeste e algumas regiões da Baixada Fluminense e explora diversas atividades nas comunidades.

Atuando inicialmente nos bairros de Campo Grande, Santa Cruz, Cosmos, Inhoaíba e Paciência, na Zona Oeste, a então Liga da Justiça chegou ao seu auge em 2007, com assassinatos e controle econômico da região. (Foto: Reprodução)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:42 Estado