segunda-feira, 27 junho 2022
Fale Conosco | (24)3343-5229

Economia

Metalúrgicos voltam a rejeitar acordo com a CSN

27/05/2022 17:54:34

Os trabalhadores da Companhia Siderúrgica Nacional, em votação realizada nesta sexta-feira (27), na Praça Juarez Antunes, na Vila Santa Cecília, em Volta Redonda, tornaram a rejeitar o acordo coletivo proposto pela empresa. O total de votos contrários foi de 62,8% (4.039). Os votos favoráveis somaram 37,2% (2.385), com 10 brancos e quatro nulos.

Desta vez, a CSN oferecia 12% de aumento para quem recebe até R$ 5 mil, incluindo técnicos e supervisores, independentemente da faixa salarial, e 10% para quem recebe acima de R$ 5 mil, além de R$$ 500 no cartão-alimentação (reajuste de 25%).

Também foi sendo oferecido um abono de 1,9 salário (76% do target) e R$ 900 (metade cinco dias após a assinatura do acordo e o restante em dezembro). A proposta previa ainda auxílio-creche de R$ 652 e manutenção do banco de horas.

A CSN ressaltou se tratar da proposta final. O resultado ainda vai ser comunicado oficialmente à empresa pelo Sindicato dos Metalúrgicos.

Caso não haja mesmo uma nova rodada de negociações entre a companhia e a representação dos trabalhadores, a discussão poderá parar na Justiça, em dissídio coletivo.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:54 Polícia