sexta-feira, 30 julho 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Cidades

Cras do Retiro retorna com atividades para pessoas de todas as idades

19/06/2021 08:42:15

A Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac) entregou na manhã de ontem (18), a revitalização do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Jacintho Trombet de Andrade, do bairro Retiro.  O Cras, que antes funcionava precariamente, recebeu melhorias em todas as salas e retornou com inúmeros serviços da assistência social. Estão disponíveis: cadastro do CadÚnico, Inscrições do Bolsa Família, oficinas de geração de renda e inclusão produtiva, telecentro com aulas de inclusão digital, grupos de convivência para pessoas de todas as idades e fortalecimento de vínculos familiares.

Atualmente, o Cras do Retiro, tem três mil famílias cadastradas, mas com a retomada dos serviços o número de atendimentos deverá aumentar, segundo a coordenadora da unidade, Andreia Rodrigues. “Temos muitos condomínios novos aqui no Retiro e agora, com a renovação do espaço, acredito que mais famílias voltem a procurar o serviço social. Teremos vários serviços e oficinas disponíveis, como aulas de cabeleireiro, estética, artesanato e os serviços de convivência para crianças, jovens, adultos e terceira idade”, destacou Andréia.

O presidente da Associação de Moradores do bairro, Wanderley Dias de Moura, disse que vai atuar junto ao governo para conquistar melhorias para a região.“Obrigado ao Munir por nos devolver o Cras. Tenho certeza que muitos moradores voltarão a buscar atendimento aqui no Cras e que a nossa cidade voltará a crescer com o governo Neto”, disse o presidente.

O secretário de Ação Comunitária, Munir Francisco, ressaltou que o Cras retorna para a comunidade bem estruturado e com uma equipe completa. “Este foi um dos primeiros Cras que construímos e aqui foi criado o primeiro grupo de convivência da terceira idade. Já fizemos duas reformas neste Cras e uma delas foi em dezembro de 2016, quando estávamos saindo da prefeitura. Infelizmente, em janeiro deste ano, ao retornarmos para a Smac, encontramos este espaço em condições ruins”, disse o secretário.

“Quando assumimos, a verdade é que Volta Redonda estava acabada. E a nossa secretaria também estava assim.  Mas com a equipe que montamos dedicada, que ama Volta Redonda e comprometida com a assistência social, vamos mudar tudo isso”, disse Munir, lembrando que o Cras é a porta de entrada da política pública social do município.

“Estamos reconstruindo Volta Redonda e o Cras tem um papel importante neste novo rumo da cidade.  Nosso trabalho voltará a ser referência na assistência social”, afirmou Munir.

A dona de casa, Dilma de Souza, 68 anos, disse que quer participar da oficina de artesanato em vidro, que está disponível na unidade. “O curso, que eu já fiz também no Cras do Açude, nos ajuda muito a desenvolver a mente, fazemos amizades e ocupa o nosso tempo”, disse ela. Já a dona Maria Aparecida Alsénio da Silva, 68 anos, disse que é muito grata ao Cras, porque  foi ali que fez a inscrição para ter uma moradia própria. “Fui contemplada com um apartamento do Minha Casa Minha Vida e sou muito feliz lá. E quero ainda vir fazer um curso aqui de violão e teclado. Nunca é tarde para recomeçar”, acredita ela.

A cerimônia contou com a presença dos vereadores Paulinho AP, Cacau da Padaria e Halisson Vitorino, da coordenadora Municipal de Juventude, Larissa Garcez, coordenador municipal de Defesa Civil, Rubens Siqueira, coordenador da Subprefeitura, Jorge Ricardo da Silva, Claudia Novaes, que representou o Departamento de Proteção Básica Social (DPBS) da Smac e do filho do homenageado, José Claudio Seatler de Andrade, que discursou emocionado e agradeceu pela manutenção do nome do seu pai na unidade social.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:42 Estado