segunda-feira, 21 junho 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

Com Jorge Picciani, Alerj doou R$ 24 milhões para obra do Hospital Regional

14/05/2021 10:42:41

Picciani, entre o prefeito Neto e a então vereadora América Tereza, no Hospital Regional

O ex-deputado estadual e ex-presidente da Alerj, Jorge Picciani, que morreu na madrugada desta sexta-feira (14), aos 66 anos, teve papel decisivo na conclusão da construção do Hospital Regional em Volta Redonda. Em maio de 2016, a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, presidida por ele, doou R$ 4,4 milhões para que as obras fossem concluídas. Antes, em 2009, também com ele na presidência, a Alerj já havia doado R$ 20 milhões para o projeto, a pedido do então deputado estadual Nelson Gonçalves.

Embora tenha morrido com a imagem manchada pelas denúncias de corrupção, Picciani aprovou leis importantes para o estado. É de sua autoria, por exemplo, a lei que garantiu vagões exclusivos para mulheres na hora do rush em trens e no metrô do Rio. Ele criou também a Comissão de Ética da Alerj – que levou à cassação quatro deputados –, a TV Alerj e a Escola do Legislativo.

Nascido no dia 25 de março de 1955, em Mariópolis, no Rio de Janeiro. Picciani se formou em contabilidade pela Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) e em estatística pela Escola Nacional de Estatística.

MANIFESTAÇÕES – Na manhã desta sexta, o governador Cláudio Castro e o prefeito do Rio, Eduardo Paes, lamentaram a morte do ex-deputado estadual. "Recebo com pesar a notícia do falecimento do ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro Jorge Picciani. Expresso, neste momento, minha solidariedade à família e aos amigos", falou Castro.

"Quero aqui manifestar meu pesar, lamentar o falecimento do deputado Picciani, sempre tive com ele uma ótima relação, e especialmente, abraçar a família dele, os filhos dele, a mulher dele. Enfim, é uma pena que a gente tenha a morte de uma pessoa ainda muito jovem, mas que teve aí um processo difícil. Inclusive já falei hoje com o deputado Leonardo Picciani e com o ex-deputado Rafael Picciani", disse Paes.

A Alerj também se manifestou: "A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro lamenta profundamente a morte do ex-deputado e ex-presidente da Casa, Jorge Picciani. A Casa foi informada oficialmente do falecimento no início da manhã de hoje pela família de Picciani, que presidiu a Alerj por três mandatos. O presidente da Casa, André Ceciliano, ofereceu as instalações do Salão Getúlio Vargas para o velório, que deve acontecer no inicio da noite desta sexta-feira. A Casa irá decretar luto oficial de três dias".

TRAJETÓRIA – O ex-deputado ingressou na política através do PDT, na década de 1980, assumindo cargos no governo de Leonel Brizola. Em 1990, conquistou o primeiro de seus seis mandatos como deputado estadual. Passou por todos os cargos importantes do Legislativo fluminense, até se eleger, por quatro mandatos consecutivos, presidente da Alerj (2003-2010). Em 2015, após ficar quatro anos afastado, voltou a ocupar o cargo.

Entre 2011 e 2014, se dedicou à vida empresarial e presidiu o PMDB estadual. Candidato nas eleições de 2014 a deputado estadual, Picciani recebeu 76.590 votos. De volta à Alerj, reassumiu a presidência em 2015 e propôs um pacote de medidas de transparência e austeridade, entre eles a redução do auxílio-educação, que passou a ser estendida a alunos de escolas públicas.

PRISÕES – Picciani foi alvo de duas grandes operações contra a corrupção na Alerj, sendo preso em novembro de 2017, na Operação Cadeia Velha. Um ano depois, já em prisão domiciliar, ele e outros nove parlamentares foram alvo da Furna da Onça, sobre o recebimento de propinas mensais de até R$ 100 mil e de cargos para votar de acordo com o interesse do governo. Em 2019, ele foi condenado há 21 anos de prisão pelo Tribunal Regional Federal da 2ª região. (Foto: Arquivo FOCO REGIONAL - 09/05/2016)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

05:41 Cidades