quinta-feira, 18 agosto 2022
Fale Conosco | (24)3343-5229

Nacional

Cidade de MG cancela show de Gusttavo Lima

Cachê de R$ 1,2 milhão causou polêmica

29/05/2022 08:58:00

O show que o sertanejo Gusttavo Lima realizaria no dia 20 de junho em Conceição do Mato Dentro, pequena cidade de Minas Gerais, está cancelado. O anúncio foi feito pela prefeitura. O cachê do artista, de R$ 1,2 milhão, causou polêmica. Também foi cancelada a apresentação da dupla Bruno e Marrone, que aconteceria no mesmo dia. A cidade tem cerca de 18 mil habitantes.

Em nota oficial, a prefeitura explicou que o motivo do cancelamento seria a "guerra política e partidária que não tem nenhuma ligação com o município e nem tampouco com a tradicional festa" do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos. Em um vídeo compartilhado em redes sociais, o prefeito Zé Fernando (MDB) lamentou a necessidade de "adiar" a apresentação, embora não haja uma data remarcada.

"Precisaremos adiar a vinda do 'Embaixador'. Tentaram envolver a nossa cidade e a minha honra pessoal em questões que não nos representam", afirmou. No mesmo pronunciamento, ele argumenta que outros artistas importantes, como Zezé di Camargo e Luciano, César Menotti e Fabiano, e Maiara e Maraisa, estiveram na cidade para apresentações nos últimos anos.

O Ministério Público de Minas Gerais informou que foi feita uma representação "questionando a regularidade da utilização de valores para pagamento de despesas durante a festividade".  Gusttavo Lima ainda não havia se pronunciado a respeito até o momento desta publicação.

Ao todo, a prefeitura contratou R$ 2,340 milhões em shows através da Secretaria Municipal de Turismo. O show de Gusttavo Lima representava mais de 50% desse valor, seguido por Bruno e Marrone (R$ 520 mil), Israel e Rodolffo (R$ 310 mil), Di Paulo & Paulino (R$ 120 mil), João Carneiro (R$ 100 mil) e Thiago Jhonathan (R$ 90 mil).

Confira o comunicado na íntegra:

“A Prefeitura de Conceição do Mato Dentro informa que, devido a lamentável tentativa de envolver a 30ª Cavalgada do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos em uma guerra política e partidária que não tem nenhuma ligação com o município e nem tampouco com a tradicional festa, está cancelada a participação do cantor Gusttavo Lima e da dupla Bruno e Marrone no evento.

As festividades da Cavalgada representam dentro do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos uma renovação de fé, esperança e amor. E com essa credibilidade o município recebeu diversos artistas renomados em edições anteriores, como Zezé di Camargo e Luciano, César Menotti e Fabiano, e, Maiara e Maraisa. Portanto, para preservar essa história e tradição, a administração optou por adiar a participação de Gusttavo Lima e Bruno e Marrone, que virão em uma próxima oportunidade.

A administração não permitirá o envolvimento da Prefeitura em questões que não representam o município e nem as festividades da cavalgada que é a celebração, sobretudo, do amor entre as pessoas e não o ódio que estão tentando disseminar. A festa também é importante para a economia do município e de toda região e será mantida, preservando a paz”.

As informações são do portal Uol.

 

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

13:24 Polícia