quinta-feira, 13 maio 2021
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Câmara define direção pelos próximos 4 anos

01/01/2021 13:09:17

Os 21 eleitos para a legislatura 2021-2024 da Câmara de Volta Redonda tomaram posse na manhã desta sexta-feira (1). Devido à Covid-19, o cerimonial limitou o número de pessoas que puderam acompanhar a sessão solene, presidida por Walmir Vitor (PT) – mais velho entre todos – até a posse da nova Mesa Diretora.

Como já se tornou tradição na cidade, a composição da Mesa ficou definida para cada um dos próximos quatro anos. Neném (DEM) será o presidente em 2021. O primeiro vice-presidente será Edson Quinto (PR); o segundo vice Paulo Conrado (DC); o primeiro secretário Francisco Novaes (PP), e segundo secretário Sidney Dinho (Patriota).

Em 2022 a presidência será exercida por Dinho. Também irão compor a Mesa Luciano Mineirinho (PSD), como o primeiro vice-presidente; Fábio Buchecha (PSC), como segundo vice-presidente; Jari (PSB), como primeiro secretário e Washington Uchoa (PRTB), como segundo secretário.

O presidente em 2023 será Paulo Conrado. O primeiro vice-presidente será Rodrigo Furtado (PSC); o segundo vice-presidente será Vair Duré (PSC); o primeiro secretário será Novaes e o segundo secretário Betinho Albertassi (PSD).

O presidente do último ano desta legislatura, em 2024, será Edson Quinto. Os demais serão: primeiro vice-presidente, Conrado; segundo vice-presidente, Betinho Albertassi; primeiro secretário, Pastor Washington e segundo secretário, Neném.

EMOÇÕES – Walmir Vitor também foi o primeiro a receber o título de posse no cargo. Em seguida, os parlamentares foram chamados por ordem alfabética pelo nome de batismo – e não pelo político.

Câmara define direção pelos próximos 4 anos

Neste momento, o que chamou a atenção foi a emoção que tomou conta de Rodrigo Nós do Povo (PL) ao ser chamado. Ele convidou o pai José Fernando, de 63 anos, para a cerimônia de assinatura do termo e, logo em seguida, os dois se abraçaram e choraram.

“A gente fica emocionado, foi um grande luta”, disse José. “Fui muito massacrado por ser de uma comunidade carente. Poder trazer meu pai e mostrar para ele o resultado de todo o seu ensinamento de vida me emocionou mesmo”, disse o novo vereador, em primeiro mandato, eleito graças aos votos obtidos na região da Vila Brasília.

Emoção compartilhada por outros que, como Lela (PSC), disputaram a eleição pela quarta vez e, finalmente, conquistou uma vaga: “A sensação é muito boa, mas também de muita responsabilidade. Foi uma eleição atípica, mas estamos preparados para o desafio”, disse ele.

Compartilhada também por alguém que, logo na sua estreia nas urnas não só conquistou uma cadeira, mas também foi o mais votado da cidade.  “Estou muito feliz por estar representando uma cidade como Volta Redonda. É gratificante estar nesta Casa”, disse Renan Cury (Solidariedade).

Câmara define direção pelos próximos 4 anos

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

11:39 Polícia