quarta-feira, 21 novembro 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Economia

VR enxerga reação da economia e quer novas empresas

21/06/2018 16:37:23

O prefeito de Volta Redonda Samuca Silva determinou ao secretário de Desenvolvimento Econômico, Joselito Magalhães, que intensifique os esforços para atrair novas empresas e apoiar as existentes na cidade. A intenção é aproveitar, segundo o prefeito, o momento positivo da economia nacional e as condições favoráveis na cidade.

“O prefeito visualiza oportunidades importantes para Volta Redonda: uma delas é a reta final da instalação das lojas no shopping Park Sul, que começa a funcionar em outubro; outra está na possibilidade de reaquecimento do setor siderúrgico, já que a CSN, maior empregador privado da cidade, agora mantém diálogo constante com a prefeitura; e ainda temos a retomada da construção civil, que gera grande quantidade de postos de trabalho”, disse Joselito.

A decisão do prefeito foi tomada com base nos dados do Caged-MTE (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego). Durante o mês de maio, Volta Redonda teve 348 admissões a mais do que demissões. No acumulado de 2018, a cidade teve um crescimento de 494 postos de trabalho, puxado pela indústria, com saldo positivo de 190, seguida pela construção civil (171).

Também apresentaram crescimento, no acumulado do ano, os setores de administração pública (104) e serviços industriais de utilidade pública (57).  Comércio (-3 no acumulado) e serviços (-24 no acumulado) apontam para uma reação, segundo entendimento do governo. Os dados de abril já tinham apontado saldos positivos e os números de maio confirmam a recuperação em andamento, no entender da administração.

No caso do comércio, a expectativa é considerada muito positiva, principalmente por causa da vinda de novos estabelecimentos com o shopping, mas outras iniciativas contribuem com a expansão das lojas já existentes e a consequente geração de empregos: é o caso da Rua de Compras, que teve no mês passado uma de suas edições de maior sucesso, no Retiro.

Samuca afirma que a geração de empregos tem que ser prioridade para o município, embora haja necessidade de estar atento ao comportamento da economia em nível nacional para obter sucesso nessa tarefa. “Atrair empresas em momentos de retração de investimentos quase é algo quase impossível, mas ficar atento a cada indício de retomada das atividades, para incentivar a abertura de novos postos de trabalho, é essencial. Isso é o que estamos fazendo, sem nos esquecermos do apoio àqueles que desejam empreender e potencialmente serão empregadores em breve”, afirmou. (Foto: Arquivo – 06/08/2017)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

18:12 Nacional