sexta-feira, 24 novembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Esporte

Voltaço sofre, mas vence Bragantino e quebra jejum no Raulino

12/08/2017 20:23:13

O Volta Redonda não fez uma boa partida, chegou a irritar sua torcida, mas finalmente quebrou o jejum de vitórias jogando em casa. Depois de três empates no Estádio da Cidadania Raulino de Oliveira, o Tricolor de Aço derrotou o Bragantino por 1 a 0, gol de David Batista. O resultado não foi suficiente para recolocar o time entre os quatro primeiros colocados do Grupo B – que passam à próxima fase –, mas mantém a equipe na briga. A última vez que o Voltaço havia vencido em casa foi em 3 de junho, quando fez 2 a 0 no Tombense.

Com o resultado, o Volta Redonda saiu da sétima para a quinta colocação, com 20 pontos, posição que pode perder neste domingo, dependendo do resultado do jogo Joinville x Tombense, em Santa Catarina. Pior, porém, seria não ter vencido, é claro. O próximo jogo do time é no domingo, dia 20, contra o Yoiranga (RS), no Colosso da Lagoa. Já o Bragantino receberá no sábado o Tombense, em Bragança Paulista. A equipe paulista tem 15 pontos e ocupa a oitava colocação.

Ousadia

O fato de jogar fora de casa diante de um adversário pressionado pela necessidade de vencer não intimidou o Bragantino. A equipe paulista começou tocando muito bem a bola, sem se descuidar do setor defensivo.

Assim começou, aos poucos, a chegar com perigo ao gol defendido por Andrey. Aos 8, Marino arriscou de fora da área, mas a bola passou longe. Aos 23, no entanto, o goleiro Andrey teve que intervir com brilho para evitar o gol em chute de Rafael Chorão já dentro da grande área. Aos 25, em contra-ataque, Felipe Silva tabelou com Vitor e chutou, mas o goleiro do Voltaço novamente apareceu bem.

A postura do visitante fez o Voltaço adiantar a marcação e, com isso, tentou conter o ímpeto dos paulistas.  Mas só foi ameaçar de verdade o gol adversário aos 28 minutos, quando Jorge Luiz recebeu no ataque, chutou forte, Renan deu rebote e David Batista completou de cabeça, mas em cima do goleiro do Bragantino. A chance final no primeiro tempo surgiu aos 42, em chute de Bruno Barra, que passou perto do gol de Renan.

Alívio

Veio o segundo tempo e a torcida do Voltaço, que esperava um rendimento melhor da equipe, começou logo a se impacientar com a dificuldade dos jogadores em criarem oportunidades de gol. Sem preparar as jogadas, restou à equipe arriscar chutes como o de Adriano, que, aos 9, ganhou de Marino na corrida e chutou cruzado, mas para fora.

E o time ainda deu sorte. Aos 12 minutos, numa cobrança de falta, Bruno Oliveira acertou o travessão, quase matando de susto os torcedores do Tricolor de Aço.

O Voltaço continuou sem criatividade. Aos 18, Marcelo fez a ligação com Dija Baiano, jogada que mais uma vez resultou num chute cruzado, com a bola passando perto da trave, mas sem exigir a intervenção do goleiro do Braga.

Para tentar dar novo ânimo à equipe, Felipe Surian chamou Rafael Pernão, que entrou no lugar de Adriano. Mas foi só a alteração ser efetivada para, novamente, o Bragantino por pouco não abrir o placar:  numa saída errada de bola do Tricolor de Aço, Anderson Ligeiro aproveitou para chutar certeiro, resultando em outra grande defesa de Andrey.

Sem mais saber o que fazer, o técnico do Volta Redonda foi para o tudo ou nada, colocando em campo Henrique no lugar do lateral Luiz Gustavo. O alívio só veio aos 37 minutos, quando Michel Benhami cruzou na área, a defesa do Bragantino se atrapalhou, com o zagueiro Juliano atrapalhando o goleiro Renan. A bola foi em direção a David Batista, que, de cabeça, mandou para o fundo das redes fazendo o gol salvador.

No outro jogo realizado neste sábado, o Tupi, jogando em Juiz de Fora, derrotou o Macaé por 1  a0. O Ypiranga (RS) venceu o Mogi Mirim por 3 a 0 num WO, já que o time paulista não entrou em campo devido ao atraso de salários e seu presidente declarou que a equipe não joga mais a competição. Neste domingo, além de Botafogo x Santo Bento, em Ribeirão Preto, o Joinville recebe o Tombense. (Foto: Divulgação / Pedro Borges)

Volta Redonda x Bragantino

Local: Estádio Raulino de Oliveira

Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim

Auxiliares: Rondinelle dos Santos Tavares e Lennon Mccartney Farias

Cartão amarelo: Edson Sitta (BRA), Anderson Ligeiro (BRA), Juliano (BRA)

Renda: R$ 9.325

Público: 1.800 (1.424 pagantes)

Volta Redonda: Andrey, Luiz Gustavo, Daniel, Mailson e Michel Benhami; Bruno Barra, Marcelo e Jorge Luiz (Gustavo Moura); Dija Baiano, David Batista e Adriano. Técnico: Felipe Surian

Bragantino: Renan Rocha, Bruno, Juliano, Guilherme e Fabiano; Edson Sitta, Marino, Rafael Chorão e Vitor (Marcinho); Anderson Ligeiro e Felipe Silva. Técnico: Roberto Fonseca

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

11:47 Polícia