quinta-feira, 13 agosto 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Cidades

Volta Redonda tem novo secretário de Segurança Pública

01/08/2020 19:10:14

 

Coronel Bassani (à esq.), com o tenente-coronel Goulart

O coronel da Polícia Militar Friederick Bassani assumirá na segunda-feira (3) a Secretaria Extraordinária de Segurança Pública de Volta Redonda. Ele foi indicado pelo prefeito Samuca Silva para substituir o tenente-coronel Antônio Goulart, que pediu exoneração esta semana.

A secretaria foi implantada em maio de 2019, com a finalidade de promover e ampliar a integração entre as forças de segurança na cidade. Goulart destacou que a secretaria contribuiu para a redução de índices de criminalidade em Volta Redonda. Citando dados do ISP (Instituto de Segurança Pública), ele exemplificou que entre maio e dezembro de 2019, em comparação com o mesmo período do ano anterior, houve redução de 26% no roubo a transeuntes; 42% em roubos e 40% em furtos de veículos, enquanto o roubo de cargas caiu 20% e os homicídios, 14%. “É fundamental esse reforço da Sesp para integrar cada vez mais as forças de segurança”, acredita Samuca.

Com a pandemia, a Sesp ampliou seu trabalho com a integração na força-tarefa em Volta Redonda. A secretaria também obteve recentemente autorização para acesso do Centro Integrado de Segurança Pública (Ciosp) à base nacional de veículos roubados/furtados, após contato com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, em Brasília.

Goulart destaca ainda que, através de solicitação ao 5º Comando de Policiamento de Área (CPA), foi realizada a integração entre as salas de operações de quatro batalhões da Polícia Militar na região: 28º (Volta Redonda), 10º (Barra do Piraí), 33º (Angra dos Reis) e 37º (Resende).

O ex-secretário citou também a implantação do projeto “Rede de Vizinhos” nos bairros Jardim Normândia, Jardim Provence, Santa Helena, Vale da Colina, Morada da Colina, Jardim Amália, Jardim Europa, Vista Verde e Santa Cecília. O projeto complementa outro, o  “Sesp nos bairros”, que foi retomado e já esteve nos bairros Caieiras, Vila Rica/Tiradentes, São Cristóvão, Vista Verde, Água Limpa, Volta Grande III e São Luiz, mas que, em função da pandemia, está temporariamente suspensas.

“Vamos dar continuidade aos projetos que estão em andamento e focar nas políticas que melhorem a qualidade de vida do cidadão, além de fortalecer os trabalhos interagências”, garantiu Friederick Bassani.

Entre eles, está o Programa Especial de Integração na Segurança Pública (Proeis), já implantado em Volta Redonda. O Proeis possibilita que a prefeitura contrate policiais militares de folga para atuarem em reforço na segurança.

Também estão em andamento outros projetos, como a instalação de uma Delegacia de Homicídios no bairro Retiro (já prevista pelo governo do estado) e de uma companhia do Batalhão de Ações com Cães da Polícia Militar. Os planos incluem também a transferência de Barra do Piraí para Volta Redonda da 5ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) e uma parceria entre Volta Redonda e o Disque-Denúncia do Rio de Janeiro, para ajudar nos flagrantes à criminalidade. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

19:24 Saúde