domingo, 24 março 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Economia

Volta Redonda mantém 18% no IPTU em cota única

04/01/2019 17:49:03

A prefeitura de Volta Redonda já está emitindo os cerca de 110 mil carnês de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de 2019. A entrega aos contribuintes começa na segunda quinzena de fevereiro. O pagamento em cota única, no dia 28 de fevereiro, prevê desconto de 18%, mesmo percentual do ano passado, e haverá ainda a opção para quitação do imposto em cota única, com desconto de 10%, em 29 de março.

 O contribuinte também pode optar pelo pagamento integral, sem desconto, dividido em seis vezes. O vencimento da primeira parcela também está marcado para 29 de março. As demais cotas vencem no final dos cinco meses seguintes. Em caso de atraso no pagamento das parcelas, está previsto reajuste conforme a data em que a quitação for efetuada.  

As pessoas que não receberem o carnê antes da primeira data para pagamento em cota única poderão retirar a segunda via no saguão do Palácio 17 de Julho, sede da prefeitura, ou no “Na Hora”, no Retiro. O documento também pode ser acessado pelo endereço eletrônico http://www.voltaredonda.rj.gov.br/smf/mod/iptu/. ou pelo acesso rápido IPTU e Taxas na página principal do PortalVR.

O secretário de Fazenda de Volta Redonda, Fabiano Vieira, alerta para a importância do contribuinte conferir os dados constantes em seu carnê. “Caso não concorde com alguma informação, ele deve comparecer aos guichês 8 e 9, na sede da prefeitura, no Aterrado, para apresentar a reclamação até o dia 29 de março para que seja feita a revisão”, avisou. 

Procedendo a reclamação, seja qual for a data da decisão, o IPTU será recalculado com as mesmas condições de pagamento do vencimento inicial. Caso a reclamação seja apresentada após o dia 29 de março, mesmo havendo procedência, a revisão só produzirá efeitos para o imposto de 2020.  

O prefeito Samuca Silva espera superar o recorde na arrecadação alcançado em 2018. “Atribuo o recorde do ano passado às ações planejadas para incremento da receita do IPTU e, acima de tudo, à responsabilidade tributária dos contribuintes”, disse. Ele ressalta que o dinheiro arrecadado com o pagamento do IPTU é revertido em melhorias nos serviços para a população: “A receita conseguida com o imposto é utilizada na saúde, educação, segurança, infraestrutura e demais demandas da comunidade”. (Foto: Divulgação / Arquivo)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

09:45 Polícia