sábado, 17 novembro 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Vereadora quer informações sobre imóveis públicos fechados

25/10/2018 16:45:42

Um dos imóveis funcionou como creche no Belo Horizonte

A vereadora Rosana Bergone (PRTB), de Volta Redonda, apresentou requerimento na Câmara solicitando informações do governo municipal sobre imóveis que estão fechados e abandonados em bairros da região da Vila Brasília.  Os imóveis citados no documento são a Escola de Curso Profissionalizante APEN, localizada na Avenida Nova Brasília, na Vila Brasília; o antigo posto de saúde e Centro de Referência da Assistência Social (Cras), que fica na Rua Paraíso das Garças, no Verde Vale e mais três prédios no bairro Belo Horizonte: a creche e o posto de saúde da Rua Rosimeire, localizada atrás da quadra de esportes da Rua Nestório, e a Escola Estadual Pau D´Alho, na Rua do Contorno.

Segundo Bergone, os prédios, anteriormente, eram utilizados para a prestação de serviços à comunidade. “São cinco prédios de boa estrutura que poderiam estar sendo aproveitados para projetos culturais, esportivos, profissionalizantes, educacionais e de saúde. A região da Vila Brasília tem mais de 40 mil pessoas e a demanda por serviços públicos é  alta. E deixá-los abandonados é lamentável”, disse a vereadora, preocupada com a deterioração dos imóveis. “A cada dia a recuperação fica mais cara. Além disso, com o abandono, os prédios estão sendo vandalizados e alguns frequentados por usuários de drogas, servindo como moradia irregular. Desejo que a prefeitura faça, no caso dos próprios municipais, estudo de revitalização e recuperação”, afirmou.

Ainda de acordo com a vereadora, ela aguardará o retorno da administração municipal e comunicará a resposta aos moradores. “A prefeitura tem, em média, 30 dias para dizer se há projetos para estes locais e apresentar sugestões. Se for positivo, peço que informe quais serão os serviços e a data para início de atividades. Vou acompanhar e estou pronta para propor e discutir ideias”, disse Rosana, frisando, que é cobrada diariamente nas ruas pelos moradores para aproveitamento dos imóveis. Com relação à Escola Pau D´Alho, que é do estado, ela espera que a prefeitura manifeste interesse em municipaliza-la e a utilize em benefício da população. (Foto: Divulgação)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

23:46 Polícia