terça-feira, 27 outubro 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

TRE tem maioria por inelegibilidade de Crivella; desembargador pede vista e adia decisão

Votação será finalizada na próxima quinta-feira

21/09/2020 19:03:26

A maioria dos desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) acompanhou o desembargador relator Cláudio Dell'Orto e votou pela inelegibilidade do prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), em sessão nesta segunda-feira (21). O desembargador Vitor Marcelo Rodrigues pediu vistas e vai concluir o voto na quinta-feira (24), quando o julgamento será finalizado. A ação diz respeito a um evento na Comlurb em que Marcelo Hodge Crivella, filho de Crivella, foi apresentado como pré-candidato a deputado.

O relator do caso afirmou ainda que não cabe a cassação de Crivella, mas determinou a procedência das seguintes acusações: abuso de poder político; conduta vedada e multa máxima, de R$106 mil.

A ação foi movida pelo PSOL e pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). A reunião ocorreu na quadra da Estácio de Sá com funcionários da Comlurb. Eles foram levados em carros oficiais da empresa.

O prefeito é candidato à reeleição e pode concorrer até que todos os recursos estejam esgotados – ou seja, até que o caso seja transitado em julgado. Ele ainda poderia levar o caso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Foram considerados culpados também Marcelo Hodge Crivella e Alessandro Costa. O pedido do PSOL e da Procuradoria também queria a inelegibilidade pelo episódio que ficou conhecido como "Fala com a Márcia", mas os desembargadores não viram irregularidade no caso. A reportagem é do G1.

 

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

19:39 Esporte