sábado, 17 agosto 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Economia

Samuca: Geração de emprego demonstra ‘crescimento sólido’ de VR

26/07/2019 17:52:32

O saldo de 1.946 empregos em Volta Redonda no primeiro semestre deste ano foi comemorado pelo prefeito Samuca Silva. Para ele, os dados divulgados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia, demonstram “o crescimento sólido” do município.

- Desde o início de nosso mandato estamos dizendo que não há outra forma de sair da crise: apenas o desenvolvimento econômico, gerando emprego e renda para nossa cidade – disse o prefeito, que acrescentou: “Antes éramos acostumados a ter saldo negativo. Todo mundo conhece alguém que teve que sair de Volta Redonda para conseguir emprego em outra cidade. Agora estamos na liderança de geração de empregos nos últimos 12 meses, com saldo positivo de 3.839 vagas. O que corresponde a cerca de dez vagas abertas a cada dia na cidade”.

Samuca apontou as medidas que, de acordo com ele, fizeram a cidade se destacar na empregabilidade: “Mutirão do Emprego, retorno de diálogo com CSN, melhora do ambiente de negócios, instalação da empresa de call center, inauguração de um novo shopping e regularização de ambulantes”.

O fato de junho deste ano (1.024) ter tido um saldo positivo de empregos 167,3% maior do que em junho do ano passado (383) foi atribuído por ele ao Mutirão de Emprego realizado pela prefeitura, no dia 1º de Maio, na Ilha São João.

- Os dados do mutirão estão aparecendo. Juntamos no mesmo local a demanda das empresas e a mão de obra disponível na cidade. Prova disso é esse resultado do Caged. Somente a CBSI já contratou mais de 500 pessoas que participaram do mutirão e esse número ainda vai aumentar. Lembro que, naquela oportunidade, fomos uma das poucas cidades do Brasil que tinham vagas de trabalho abertas no Dia do Trabalho. Fomos destaques nacional – avaliou.  

Samuca confirmou que o governo planeja repetir a iniciativa, mas lembrou que, para tanto, depende também das ofertas de vagas na cidade: “Já avaliamos como foi o evento – que teve quase 30 mil pessoas – e os pontos positivos e negativos. Estamos buscando caminhos ainda para que o próximo seja voltado apenas para pessoas de Volta Redonda”.

Com o resultado do primeiro semestre, o prefeito de Volta Redonda aposta que será possível superar, este ano, o saldo de 1.787 vagas do ano passado.

- O crescimento das vagas na geração de emprego, pelo segundo ano consecutivo, demonstra que estamos no caminho certo. Estamos desburocratizando cada vez mais o serviço público, poderemos emitir alvará em até duas horas, em parceria com a Jucerja (Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro). Temos ainda a implantação do Polo Metalmecânico e sabemos que, com o final do ano, o comércio fica aquecido e mais vagas de trabalho são geradas. Vamos gerar mais emprego do que no ano passado. Estamos a frente, por exemplo, de cidades com indústria petroleira, que está em pleno aquecimento – comparou.

O prefeito só lamenta que a economia do país, num todo, ainda esteja patinando, com baixa previsão de crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) este ano, abaixo de 1%, na estimativa do Banco Central.

- Infelizmente, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, não conseguiram acelerar o crescimento e a economia tão rápido. Vão até estimular o consumo agora, através da liberação de recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), que vai aquecer o comércio, com certeza. Esperamos que a promessa feita de que a aprovação da reforma da Previdência faça a economia aquecer rapidamente.

Ele ressalta, no entanto, que Volta Redonda está gerando oportunidades de trabalho com carteira assinada mesmo com o cenário nacional. (Foto: Gabriel Borges)

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

20:43 Polícia