sexta-feira, 17 novembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Especiais

Residencial Vila Jardim usa sistema de construção inédito em Volta Redonda

Técnica permite que construtora levante um andar do prédio a cada dois dias. Obras já começaram

27/10/2017 13:13:04

A construção do Residencial Vila Jardim, no bairro Roma, está usando um sistema de construção inédito em Volta Redonda.  Trata-se do sistema construtivo em parede de concreto, um método que utiliza formas industrializadas para a concretagem das paredes e lajes. De acordo com o engenheiro de produção do empreendimento, Paulo Coelho, o sistema é seguro e garante produtividade na execução da obra. Mas o dado mais impactante é que esse sistema possibilita construir um andar em apenas dois dias.  “Pela manhã, fazemos a montagem das armações, colocamos na posição a instalação elétrica e as passagens da tubulação hidráulica e, no final da tarde, é realizada a concretagem das paredes e teto. Este preparo diário é para quatro apartamentos e, em dois dias, fazemos oito unidades, o que corresponde a um andar já estruturado”, explica Coelho.

Ele destaca que, com este sistema, há a redução de resíduos da obra e dos custos de mão de obra em 14 %. “A concretagem é a parte mais cara da obra e, com este sistema, diferentemente das construções convencionais, não precisamos fazer chapisco, reboco e emboço. Com a industrialização das formas, após a secagem, é preciso somente emassar a parede e fazer a pintura. Economizamos 87,5% do tempo de construção, em comparação com o sistema convencional”, informa o engenheiro.

Residencial Vila Jardim usa sistema de construção inédito em Volta Redonda

Coelho ainda afirma que nesta primeira fase está sendo construída toda a torre B e a área de lazer do residencial, além de já ter iniciado a fundação da torre A. “Cada torre possui 64 apartamentos e a área de lazer será composta de piscina, churrasqueira, salão de festas e um pergolado”, explica. Ele ressalta que o empreendimento também terá um abrigo para os tubos de gás de cozinha e cada apartamento terá um medidor individualizado. “A nossa meta é entregar esta primeira fase em agosto de 2018”, acrescentou.

Genésio Espírito Santo, diretor de operações da Libe Construtora, destaca que o mesmo sistema de construção foi utilizado em outro empreendimento com 1.120 apartamentos, realizado pela Libe, em Uberlândia, Minas Gerais. “É um processo rápido, já testado por nós e que garante uma obra de qualidade, ordenada e segura, assinada pela Libe Construtora, parte de uma holding de empresas que movimenta R$ 2 bilhões por ano em negócios”, reforça o diretor.

Residencial Vila Jardim usa sistema de construção inédito em Volta Redonda

Os apartamentos do Vila Jardim são vendidos na planta e este sistema construtivo permitiu estabelecer um preço mais competitivo por unidade no mercado, acrescenta o diretor. “A compra do apartamento na planta é muito mais vantajosa. No Vila Jardim, imóveis serão valorizados já na conclusão do empreendimento, principalmente, por conta das melhorias que o bairro Roma tem recebido e por ser uma região de crescimento de Volta Redonda”, disse.

Acompanhe de perto o empreendimento

Residencial Vila Jardim usa sistema de construção inédito em Volta Redonda

Para acompanhar o andamento das obras, a coordenação de vendas do Vila Jardim está convidando todos os clientes que desejam conhecer o canteiro de obras para uma visita guiada no dia 11 de novembro, um sábado.  “Nesta visita, nossos engenheiros e os corretores mostrarão este processo para sanar todas as dúvidas dos clientes. As pessoas que visitaram o estande e ainda não fecharam negócio também estão convidadas para a visita”, informa a coordenadora de vendas, Christiane Oliveira.

Condições para comprar um apartamento

Residencial Vila Jardim usa sistema de construção inédito em Volta Redonda

Até 31 de outubro, o comprador pode adquirir uma unidade, que custa a partir de R$ 130 mil, usando o FGTS como entrada ou parte dela, ou ainda financiar a entrada em 23 vezes. No ato da compra, o cliente poderá escolher entre ter um desconto de R$ 5 mil, no valor final ou receber as isenções de taxas do ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis), pago à prefeitura de Volta Redonda, e do registro em cartório. O financiamento de 80% do valor do imóvel pode ser feito pela Caixa Econômica Federal em até 30 anos.

Vila Jardim – O empreendimento é um condomínio-clube, com ampla área verde e fácil acesso ao transporte público.  Fica próximo à Rodovia Presidente Dutra, ao Hospital Regional e futuro terminal rodoviário interestadual.  O condomínio possui portaria 24 horas, piscinas infantil e adulto, salão de festas com churrasqueiras e quadra poliesportiva. Os apartamentos têm um ou dois quartos com suíte, com quatro plantas diferentes e varanda. Serão cinco torres com prédios de oito andares com elevadores.  O bairro Roma também vai receber um centro comercial, com lojas, mercado, farmácia, academia e outras conveniências. 

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:57 Estado