domingo, 19 novembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Internacional

Presidente mexicano alerta que pode haver outro forte tremor em menos de 24h

País foi atingido por tremor de terra na noite da quinta-feira

08/09/2017 08:33:42

O presidente do México Enrique Peña Nieto advertiu à população, nesta sexta-feira, ser provável que nas próximas 24 horas aconteça uma forte réplica do terremoto de magnitude de 8,4 na escala de Richter, ainda que de "um grau menor". Em declarações à Televisa, Peña Nieto disse que "será necessário ser mais do que atento", já que a réplica pode superar a magnitude 7, após lembrar que em 1985 ocorreu uma réplica muito potente de 7,5 graus, no dia seguinte ao primeiro terremoto de magnitude 8,1, no dia 19 de setembro.

Ele disse que até agora o alerta de tsunami no estado de Chiapas, onde foi registrado o epicentro do terremoto da noite da quinta-feira, "não representa um risco maior", e considerou que 50 milhões de pessoas devem ter sentido em várias partes do país.

O presidente apontou que esse foi um terremoto maior que o de 8,1 na escala Richter, de setembro de 1985, que deixou milhares de mortos, mas enfatizou que a cultura de proteção civil avançou desde então. Ele ressaltou que o último terremoto de magnitude similar ao da noite da quinta aconteceu em 1932.

Além disso, também pediu à população que faça uma revisão em suas casas para haver se há algum dano.  

Sobe para 14 o número de mortes confirmadas pela passagem do Furacão Irma

O olho do Furacão Irma atingiu na quinta-feira as ilhas Turks e Caicos – território britânico no Caribe – na noite da quinta-feira. Os ventos continuam fortes, de 180 km por hora, ainda na categoria cinco.  Quatro das 14 vítimas confirmadas são das Ilhas Virgens americanas. As demais mortes foram registradas na ilha franco-holandesa St. Martin.

Nesta sexta, o Irma deve alcançar as Bahamas e depois Cuba. A previsão é que ele chegue ao sul da Flórida na madrugada de domingo, na categoria cinco ou baixar para a quatro, ainda ventos fortes ventos. As fortes tempestades devem começar a ser sentidas na região na noite desta sexta. O governador da Flórida, Rick Scott, orientou a população para que esteja alerta e evacue as áreas com ordem de saída obrigatória.

As rodovias que deixam o sul do estado continuam congestionadas e há relatos sobre motoristas estão parados por falta de gasolina, por dificuldade de encontrar o combustível, escasso pela forte demanda e crise na produção causada pelo Furacão Harvey que assolou o Texas há uma semana, onde ficam as principais refinarias dos Estados Unidos.

Centenas de voos que chegariam a Miami, entre eles os procedentes do Brasil, foram cancelados. Além da Flórida, Georgia e as Carolinas do Sul e do Norte decretaram estado de emergência. O Irma deve atingir a região costeira dos três estados na próxima segunda-feira. (Foto: Agência Brasil)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

15:33 Polícia