terça-feira, 04 agosto 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

Pré-candidato, Alex Martins diz estar pronto para qualquer cenário na corrida eleitoral

03/07/2020 13:14:49

“Nossa candidatura está preparada para qualquer ambiente de disputa”. A afirmação foi feita pelo pré-candidato do PSB a prefeito de Volta Redonda, Alex Martins, em entrevista coletiva, na manhã desta sexta-feira (3), em resposta ao FOCO REGIONAL sobre o possível cenário da disputa pelo Palácio 17 de Julho, após a decisão do prefeito Samuca Silva de não concorrer à reeleição e diante da indefinição em torno da candidatura do ex-prefeito Antônio Francisco Neto – neste momento inelegível por ter contas de sua administração reprovadas pela Câmara de Vereadores.

A declaração de Alex, no entanto, não foi em tom de soberba. Na conversa com os jornalistas – numa área de estacionamento do Hotel Bela Vista, a fim de evitar ambiente fechado devido à pandemia de Covid-19 – o pré-candidato enfatizou sua disposição de realizar uma campanha “assertiva, limpa e inteligente”.

Sobre Samuca, disse considerar legítimo até se o prefeito recuar e voltar à disputa. Em relação a Neto, apontou que valerá o que for decidido pela Justiça. Afirmou, ainda, respeitar todos os que já ocuparam a principal cadeira do Palácio 17 de Julho, mas que é necessário “olhar Volta Redonda para a frente”.

Ao ser perguntado sobre possíveis nomes para compor sua chapa, Alex não abriu o jogo, apontando como prioridade, no momento, a formatação do plano de governo. “Não se vence uma eleição sozinho, mas também não se vence mal acompanhado. Porém, eu e minha equipe estamos muito focados, neste momento, no projeto de governo”, desconversou, embora fontes próximas à pré-candidatura assegurem que há conversas com ao menos cinco partidos. “Não vamos discutir carguinhos ou posições [num eventual governo], mas com lideranças que tiverem simpatia ao nosso projeto estaremos à disposição para conversar”, acrescentou.

O plano de governo, ressaltou, será concluído com a participação popular, através de uma plataforma na internet, através da qual os cidadãos poderão opinar e, ao mesmo tempo, caso desejem, participar do financiamento coletivo da campanha.

Definindo-se como “novo [na política partidária], mas com identidade”, o pré-candidato do PSB também abordou temas como mobilidade urbana – especialmente as ciclovias – e atração de investimentos. “Temos que mostrar uma administração séria, transparente e empática com quem quer investir em Volta Redonda”, disse.

REFORMA ADMINISTRATIVA - Acompanhada por pré-candidatos do partido à Câmara de Vereadores, entre entres José de Arimathéa, ex-prefeito de Pinheiral, a coletiva do advogado foi precedida de um breve resumo da sua trajetória e da explanação de suas ideias. Ele defendeu uma prefeitura mais “humanista”, que valorize o desenvolvimento humano e maior participação popular. Considera necessária uma “ampla reforma administrativa” e protagonismo na segurança, através da Guarda Municipal, mesmo sendo esta uma atribuição do estado.

“A maior riqueza de Volta Redonda é a sua população, o seu povo. É uma cidade além do aço, que se desenvolveu e não é mais dependente de um único agente. O município tem que ser parceiro, a camada protetora de quem quer empreender. Precisamos valorizar o desenvolvimento humano, com participação popular envolvendo todos os segmentos”, afirmou.

Além da reforma administrativa, com a realização de concursos para o preenchimento de vagas no serviço público, o pré-candidato considera necessário também a cidade inovar nas fontes econômicas e fazer “o dever de casa na contenção de gastos”. Pregou ainda um serviço público mais eficiente, com valorização do funcionalismo: “Os serviços públicos não são realizados por máquinas, mas por pessoas, que devem ser valorizadas Tem que haver empatia [com o funcionalismo]”.

Nascido em Volta Redonda, filho de metalúrgico, Alex Martins tem 41 anos (faz aniversário em setembro). Ele se formou advogado em 2002 no UBM (Centro Universitário de Barra Mansa) e especializou-se em direito do trabalho e direitos sociais e cidadania.

A partir de 2013, exerceu três mandatos de presidente da seção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Volta Redonda. “A OAB foi o grande legado da minha vida, pois pude conhecer a realidade da cidade”, frisou.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:33 Educação