quarta-feira, 17 outubro 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

Policiais franceses acompanham em Paraty investigações da morte de artista plástico

Família ainda espera liberação do corpo

19/07/2018 19:22:55

A investigação da morte do artista plástico francês Cédric Alexandre Vacherie, em Paraty, estão sendo acompanhadas por policiais da França. Cédric foi morto no último dia 13. O corpo dele foi encontrado com um tiro de espingarda na cabeça, em seu sítio, na estrada da Colina, no bairro rural de Barra Grande.

Nesta quinta-feira, os policiais se inteiraram sobre o caso em encontro, na delegacia de Paraty, com o delegado Uriel Alcântara, responsável pelas investigações. A Embaixada da França tem por praxe acompanhar a apuração de casos em que cidadãos nascidos no país são vítimas de crime.

Até o momento, a Polícia Civil de Paraty não tem suspeitos do crime. Cédric vivia sozinho no sítio havia um ano. A casa da propriedade foi encontrada parcialmente queimada.

Os pais do artista plástico, que estão em Paraty desde o início desta semana, esperam que o corpo seja liberado nesta sexta-feira para o traslado. Enquanto isso, amigos do artista plástico, que era gay e suspeitam de homofobia, preparam para o próximo dia 29  (um domingo) um ato de protesto, marcado para as 10 horas em frente à Igreja da Matriz, no centro histórico, durante a Flip (Feira Literária de Paraty). (Foto: Reprodução internet)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

12:17 Cidades