segunda-feira, 25 junho 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

Policiais e outros dois são presos suspeitos de extorsão

Eles estariam exigindo dinheiro de guarda municipal para não incriminar pai dele

17/02/2018 03:44:45

Uma ação conjunta da Guarda Municipal de Volta Redonda e das delegacias de polícia de Volta Redonda e Barra Mansa, entre a noite da sexta-feira e a madrugada deste sábado, resultou na prisão em flagrante de quatro suspeitos de extorsão a um guarda municipal e o pai dele. Entre os presos, estão um policial lotado no 33º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Angra dos Reis, um policial civil de Pinheiral e o dono de uma academia do bairro Volta Grande, em Volta Redonda.

As prisões foram efetuadas em Vargem Alegre, distrito de Barra do Piraí, onde mora o pai do guarda municipal, no momento em que, segundo a corporação, o agente efetuava o pagamento da terceira parcela do valor em dinheiro que teria sido exigido pelo grupo, depois de já ter entregado a eles também o seu carro, que estava sendo monitorado. Na ação, foram apreendidos um quilo de maconha, três pistolas e um revólver, além de munições e produtos que seriam anabolizantes.

Policiais e outros dois são presos suspeitos de extorsão

De acordo com as primeiras informações, o guarda passou a ser extorquido no final do mês passado, quando os suspeitos teriam exigido dinheiro para não forjarem a incriminação de seu pai, que tem passagem pela polícia, por algum tipo de crime. A vítima comunicou o fato à Corregedoria da Guarda Municipal, que acionou o seu próprio Serviço de Inteligência e a Direção Operacional. Em seguida, o fato foi comunicado ao Serviço de Inteligência da delegacia de Volta Redonda, que também passou a apurar o caso. O trabalho integrado desencadeou a ação.

O valor que estaria sendo exigido do agente e do pai não foi revelado, mas seria de R$ 60 mil. Segundo a GMVR, as drogas apreendidas teriam sido levadas pelos suspeitos para entregar ao agente para que ele vendesse e, assim, conseguisse mais dinheiro. O grupo também estaria exigindo, sob ameaças ao guarda e sua família, que, também para lhe repassar mais dinheiro, ele vendesse a casa.

Na noite desta sexta-feira, em viaturas policiais e outras descaracterizadas, a Guarda Municipal e a Polícia Civil seguiram para o distrito de Barra do Piraí. Segundo a GMVR, os suspeitos receberam voz de prisão no momento em que o guarda fazia mais um pagamento a eles. Antes, foram feitas cópias das cédulas a serem entregues pela vítima.

Além da recuperação do Gol dado pelo guarda municipal, os policiais apreenderam dois carros com os suspeitos, um Astra e um Honda Civic.

Também até o momento desta publicação, os suspeitos ainda não tinham sido ouvidos. Estava sendo aguardada na delegacia de Volta Redonda o delegado de área de fim de semana, Márcio Figueroa, adjunto em Barra Mansa. 

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

13:43 Polícia