domingo, 23 abril 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Educação

Pais preocupados: Escola estadual em Volta Redonda está sem direção

14/03/2017 10:58:42

A crise econômica enfrentada pelo estado do Rio está criando situações bizarras em todos os setores, inclusive na Educação. O exemplo mais recente é a Escola Estadual Rio de Janeiro, uma das maiores da cidade, situada no bairro Sessenta.

Desde que a diretora Mônica Corrêa de Miranda se afastou em licença-maternidade, a escola está sem direção. No fim de semana, moradores do bairro fizeram uma reunião onde coletaram assinaturas para pedir que, enquanto durar o afastamento, a escola fosse dirigida  Lilene Irías, o que não foi aceito pela Coordenadoria de Educação do Médio Paraíba. O abaixo-assinado foi entregue aos dirigentes do órgão na tarde da segunda-feira. Eles não aceitaram indicar a substituta alegando a crise financeira.

- Com isso, a escola está sem diretor, secretário e orientador educacional – critica o presidente da Associação de Moradores do Bairro Sessenta, Raimundo Xavier.

A escola tem 517 alunos do Ensino Médio, incluindo os que estudam de manhã, e os do sétimo, oitavo e nono período do Ensino Fundamental, que frequentam o estabelecimento à tarde. De acordo com o líder comunitário, a reação dos pais se deveu à desconfiança de que a diretora Mônica seria afastada do cargo no período de licença, com o que eles não concordam.

- Queremos a manutenção da diretora, o que foi conseguido, mas eles não aceitaram indicar a professora Lilene como adjunta, enquanto ela estiver afastada. Lilene conhece muito bem a realidade da escola – disse uma mãe de aluno, que pediu para não ser identificada.

Os pais estão agora preocupados com problemas administrativos que possam ocorrer pela falta de direção.

 

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:36 Cultura