sexta-feira, 21 setembro 2018
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

Operação conjunta do MPRJ e PM para desarticular tráfico tem 47 presos

14/09/2017 19:27:41

Terminou com 47 presos, 14 deles em flagrante, a operação Coroados II, deflagrada nesta quinta-feira pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e a Polícia Militar, visando desarticular uma quadrilha de traficantes de drogas que agia, principalmente em Valença e Barra do Piraí. Foram expedidos 60 mandados de prisão apenas para as cidades do Sul do estado, sendo 28 de alvos que estavam em liberdade. Segundo balanço divulgado n o fim da tarde pela Coordenadoria de Comunicação da PM, os demais eram contra suspeitos que já se encontram recolhidos em unidades prisionais do estado e foram novamente denunciado pelo MPRJ. Também foram cumpridos 44 mandados de busca e apreensão.

A operação resultou ainda em 14 prisões em flagrante, todas nas comunidades de Acari, Muquiço e Morro do Dendê, no Rio. Ainda na capital, a operação se estendeu ao Complexo da Maré. Segundo o MPRJ, a ação atacou não apenas o tráfico em Barra do Piraí e Valença, mas também, quadrilhas de fornecedores das drogas para as duas cidades do Sul Fluminense.

Na região, a operação também teve a participação de agentes do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público, e policiais militares do Serviço Reservado e do 5º CPA (Comando de Policiamento de Área), resultando na apreensão de um menor, um revólver calibre 38, oito munições, meio quilo e 19 trouxinhas de maconha, 15 pinos de cocaína, duas bolas de crack, um saco de pó branco, uma faca, 16 celulares e R$ 1.345 em espécie.

Operação conjunta do MPRJ e PM para desarticular tráfico tem 47 presos

NO RIO – Na capital do estado, o balanço foi o seguinte: Complexo da Maré - três presos, um suspeito ferido (ele morreu no hospital), apreensão de um fuzil AK-47, três carregadores, 43 munições de 7.62, um colete balístico, um celular, dois rádios de comunicação, um carro, 1.518 cápsulas e 100 gramas de cocaína, 2,2 quilos e 118 papelotes de maconha, 82 sacolés e 103 cigarretes de skank, 22 bolas de haxixe e 11 frascos de  cheirinho da loló.

No  Morro do Dendê: dois presos, um fuzil G3, um colete balístico, uma base para rádio, 100 munições calibre 7.62  e drogas ainda não contabilizadas.

Acari e Muquiço: 13 presos, sendo quatro por mandado de prisão e nove em flagrante; 11 carros apreendidos e oito motos; dois rádios de comunicação e drogas não contabilizadas.

- O que chamou atenção foi a participação expressiva das mulheres com o tráfico. Elas atuam mais na área da contabilidade, devido ao grau de confiança que possuem junto aos companheiros criminosos – destacou o promotor Diogo Erthal.

"Precisamos destacar a importância de cumprir os mandados de prisão aos alvos já presos. Pois eles irão cumprir uma pena adicional, ficando mais tempo afastados da sociedade", explicou o coordenador de Inteligência da Polícia Militar, coronel Antônio Goulart. (Fotos: Polícia Militar)

 

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

17:06 Polícia