sexta-feira, 15 novembro 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

Mulher queimada com álcool estava em cárcere privado

08/11/2019 16:39:15

A mulher de 41 anos socorrida nesta sexta-feira no Hospital São João Batista, com queimaduras de segundo grau, era mantida em cárcere privado em casa, no bairro Santo Agostinho, em Volta Redonda. Ela teria sido ferida pelo marido. Inicialmente, foi informado que ela teria se acidentado ao manusear um recipiente com álcool.

O marido da vítima foi preso em flagrante e indiciado por tentativa de feminicídio. O caso foi registrado na Deam (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher).

A prisão foi feita por uma equipe da Patrulha Maria da Penha, após receber pedido de ajuda do irmão da vítima. Ele denunciou que a irmã estava sendo mantida em cárcere privado e que havia sofrido a tentativa de homicídio: o marido jogou álcool em seu corpo e ateou fogo. Ela teve 16% do corpo queimado.

Os policiais constataram que a mulher vivia amarrada na cama. No cômodo foram encontrados fios elétricos que seriam usados para manter a mulher amarrada. Também foi encontrado um estilete debaixo de um travesseiro, que seria usado para ameaçar a vítima.

- Segundo ela, o marido falava que a mataria ela e jogaria o corpo no Rio Paraíba do Sul – contou um dos policiais na delegacia de Volta Redonda.

Uma menina, de 9 anos, filha da vítima, estava na residência e sempre assistia as cenas de agressão. A casa estava em péssimas condições de higiene.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

15:01 Nacional