sábado, 21 outubro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Esporte

João Cleriston dá receita para Voltaço recuperar prejuízo

19/09/2017 19:07:40

A derrota de 1 a 0 para o Sampaio Corrêa no primeiro jogo das quartas de final, em pleno Estádio Raulino de Oliveira, deixou o Volta Redonda numa situação complicada para a segunda e decisiva partida pela Série C do Brasileiro, que será disputada no próximo sábado, desta vez no Castelão, em São Luís. O resultado deixou  o time maranhense numa posição muito mais confortável para o jogo da volta, pois basta um empate de 0 a 0 para se classificar.

Já para o Tricolor de Aço, será necessário vencer a partida fora de casa, diante de um público que, se acredita, estará na faixa de 40 mil apoiadores do Sampaio para passar à próxima fase e garantir o acesso à Série B em 2018. Se vencer pelo mesmo placar do jogo em Volta Redonda, a decisão será nos pênaltis.

O jogo ganhou ares de missão quase impossível, mas, se depender do meio campista João Cleriston, não há nada ainda perdido. Nesta terça-feira, depois do treino comandado por Felipe Suirian em Pinheiral, o jogador disse que o Voltaço tem condições de surpreender os que já não apostam na vitória fora de casa. E, para isso, ele deu a receita.

- O time está consciente do que vai ser jogar lá. Estamos vivos e acreditando que poderemos reverter o resultado. É com este pensamento que viemos para os treinos desta semana. Temos que jogar com inteligência. É um jogo em que teremos de traçar uma estratégia para conseguir o resultado. Não é porque perdemos de 1 a 0 em casa que temos de sair de qualquer jeito lá para tentar marcar -  disse João.

Para ele, o time terá que redobrar a atenção, primeiro, para não sofrer gols, mas, inevitavelmente, buscar mais o ataque no segundo tempo. “Na primeira partida jogamos bem, tivemos mais posse de bola e até fomos mais agressivos do que eles. Temos condições de vencer lá – reforçou.

O gol de bola parada, na cobrança de um escanteio, nos minutos finais do jogo no Estádio da Cidadania levou Surian e dar mais atenção à defesa nos treinamentos desta terça-feira. Já para o treino da quarta, o local escolhido foi justamente o Raulino.

O atacante Adriano, que deixou o primeiro jogo ainda na etapa inicial, contundido, está em tratamento intensivo, mas suas chances de jogar parecem remotas. Quem esteve na sede do clube, no bairro São Lucas, viu o jogador ainda mancando ao caminhar.

Euforia em São Luís

João Cleriston dá receita para Voltaço recuperar prejuízo

Do lado do adversário, a euforia da torcida é total desde o resultado do jogo de ida na cidade do aço. Segundo a imprensa maranhense, apenas nos dois primeiros dias da semana mais de oito mil ingressos para o jogo de sábado foram vendidos.

No entanto, o discurso dos jogadores é mais cauteloso O time se reapresentou nesta terça-feira e treinou à tarde. A volta do meia Diego Silva, que cumpriu suspensão automática, está garantida, e ele prega seriedade absoluta para o segundo confronto.

- A vantagem existe, mas não tem nada decidido. Va ser um jogo difícil e Temos que entrar atentos e ligados para não sermos surpreendidos – afirmou.  (Fotos: Futrio.net e Divulgação / Sampaio Corrêa)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

20:18 Polícia