sexta-feira, 22 setembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Cidades

Estrada rural de Resende ganhará nova ponte

12/07/2017 16:35:16

Os moradores e produtores rurais da região da Pedra Selada, em Resende, vão ganhar mais segurança para se deslocarem entre as vilas da Fumaça e Vargem Grande a partir desta sexta-feira: é que a prefeitura instalará uma nova travessia no km 11 da estrada, em substituição à ponte de madeira existente, conhecida pelos moradores como “Ponte do Pereira”.

Em função da obra, a estrada entre as vilas da Vargem Grande e Fumaça ficará interditada ao tráfego de veículos logo após a passagem do ônibus que vem da Fumaça, às 9 horas, até às 15h, quando será liberada.

Neste período, em caso de emergência, o deslocamento de veículos poderá ser feito pela estrada da Ponte Alta, que liga Fumaça a Quatis e que dá acesso a Resende pelo Polo Industrial ou pela Fazenda da Barra II. Esta via alternativa, que também é uma estrada de terra, está em boas condições de tráfego, mas aumenta o percurso em cerca de 10 quilômetros.

De acordo com o secretário de Agricultura e Pecuária, Alberto Figueiredo, a substituição da ponte é necessária porque a travessia, cuja estrutura é feita de viga de ferro com piso de pranchas de madeira, está inclinada para um dos lados, representando perigo para os motoristas. Para solucionar o problema, a secretaria vai remover a ponte de madeira e fazer no local duas galerias com manilhas com 1,5m e 0,80cm de diâmetro para passagem da água do riacho.

Além disso, a Secretaria também vai fazer canaletas para escoar mais rapidamente a água, em casos de chuvas fortes, e vai concretar a cabeceira das galerias para que a terra não desça.

- As manilhas para a construção das galerias já estão no local e, assim que o ônibus passar, vamos iniciar os trabalhos removendo a ponte atual. Depois vamos limpar a base, colocar pedra britada no fundo e assentar as manilhas. A última etapa será colocar a terra e compactar para que os veículos possam passar sobre a galeria sem problemas – explicou Alberto Figueiredo.

Segundo ele, a inclinação da ponte de madeira ocorreu em função do excesso de peso e também por um desgaste natural devido ao tempo de uso, já que estrada Fumaça – Vargem Grande é utilizada diariamente não só por veículos de passeio, mas também por ônibus e caminhões. (Foto: Divulgação)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:26 Estado