sexta-feira, 24 maio 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Economia

Empresas passam operar linhas sob intervenção nesta 3ª feira em Volta Redonda

Prefeito pede paciência no 'momento de transição'

13/05/2019 08:32:38

O prefeito de Volta Redonda Samuca Silva confirmou na manhã desta segunda-feira que a transferência de dez linhas municipais operadas pela Sul Fluminense será feita nesta terça. Segundo ele, o prazo foi solicitado pelas três empresas – Elite, Pinheiral e Cidade do Aço – que vão ficar responsáveis pelos itinerários, após o decreto de intervenção assinado na última sexta-feira.

Em entrevista à Rádio Sul Fluminense, Samuca afirmou que a medida tomada por ele, decretando a caducidade da concessão à Viação Sul Fluminense, por quebra de contrato, é “dura, mas necessária”. Ao mesmo tempo, ele pediu à população paciência no que chamou de “momento de transição”.

- É importante que a população fique preparada, pois podem acontecer transtornos neste momento. Nós estamos trabalhando para que não aconteçam, mas podem ocorrer e solicito um pouco de paciência – disse Samuca.

O prefeito reafirmou que pretende licitar as 31 linhas operadas até então pela Sul Fluminense, mas disse que o processo é demorado e a população “não poderia continuar sofrendo” com a deficiência do serviço.

EMPREGOS – Samuca também se disse tranquilo em relação à manifestação que funcionários da Sul Fluminense planejam realizar no final da tarde, em frente ao Palácio 17 de Julho. Eles temem ficar desempregados.

- O bom funcionário tem emprego em qualquer lugar. Já tivemos neste período de governo outros casos de ruptura de contrato e conseguimos que os funcionários fossem recontratados. Não posso garantir [a absorção da mão de obra da Sul Fluminense], mas já fizemos este pedido e o Sindpass (sindicato das empresas) já emitiu nota informando que fará esforços neste sentido – comentou Samuca. Ele  acrescentou: "Eu respeito a história da empresa, mas tenho que levar em contta o respeito aos usuários, que precisam de um serviço de qualidade".

O prefeito disse que, por enquanto, a intervenção atingirá as linhas com maior volume de reclamações. As outras 21 continuarão sendo operadas pela Sul Fluminense.

As dez linhas com intervenção imediata foram 455 – Fazendinha; 510 – Padre Josimo;  Circular 320 – Dom Bosco x Conforto; 520 – Belmonte;  325 – Santa Cruz x Conforto; 550 – Siderlândia; 120 – Eucaliptal; 500 – Açude x Conforto; 315 – Candelária x Conforto; 540 – Açude x Santo Agostinho.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:29 Polícia