domingo, 16 junho 2019
Fale Conosco | (24)3343-5229

Estado

Delegado de Piraí prende suspeito de matar turista em Arraial do Cabo

Jovem foi localizado em cidade do interior de SP

14/12/2018 19:31:39

O delegado de Piraí Michel Floroschok foi o encarregado pela Polícia Civil do Rio de efetuar a prisão, na cidade de São Carlos (SP), do suspeito do assassinato da turista Fabiane Fernandes , de 30 anos, no mês em Arraial do Cabo. Matheus Augusto da Silva, de 22 anos, foi preso com o auxílio de agentes da delegacia da cidade paulista.

Matheus foi encontrado por volta das 10h em uma clinica psiquiátrica de reabilitação próxima à cidade de Analândia. As autoridades, que tinham um mandado de prisão temporária de 30 dias contra o jovem, começaram as buscas às 5h. De acordo com a polícia, o rapaz foi apontado por outro homem que já está preso no Rio pela morte da turista .

"Fizemos contato com a DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de São Carlos, que nos auxiliou na captura. Ele foi reconhecido por uma testemunha como sendo a pessoa que violentou e depois matou Fabiane", disse Floroschk.

Segundo ele, o suspeito – que nega o crime, embora tenha admitido ter estado com ela – é investigado pelo crime de estupro e homicídio. "Ele diz que esteve no Rio, que esteve com a moça, mas que tais fatos não foram praticados por ele. A versão dele vai ser confrontada com as provas no inquérito", disse o delegado. "Infelizmente a moça fez uma trilha onde ele estava acampado com outra pessoa. Essa outra pessoa já está detida no Rio e o apontou como sendo o autor do delito", acrescentou Floroschk.

O delegado de Piraí afirmou ter tido a impressão de que Matheus parece “uma pessoa atormentada, que não tem muito discernimento”.

Matheus foi levado para Arraial do Cabo para ser ouvido pelo delegado Renato Mariano, responsável pela investigação.

NO FERIADO – O corpo da catarinense foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros no dia 21 de novembro. Moradora de Florianópolis, ela foi passar o feriado prolongado em Arraial do Cabo,  e desapareceu ao sair do hotel para fazer uma trilha no Morro da Cabocla, na Prainha, no dia 17 do mesmo mês.

A vítima tinha um filho de 8 anos e morava com a família no Bairro dos Ingleses, em Florianópolis, onde era administradora de uma pousada. De acordo com familiares da vítima, ela viajou junto com um namorado.

A turista ficou desaparecida por três dias. Ela foi encontrada nua no meio da vegetação e teve todos os pertences deixados ao lado, inclusive o telefone celular e a carteira de dinheiro vazia.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

17:36 Polícia