domingo, 20 setembro 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Nacional

Bolsonaro desiste do Renda Brasil

E diz que Bolsa Família, criado pelo PT, continua até 2022

15/09/2020 10:52:37

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) reagiu nesta terça-feira (15) às notícias de que a equipe econômica considera congelar aposentadorias para financiar o Renda Brasil. Bolsonaro negou o possível congelamento e disse que o Bolsa Família, criado durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), permanecerá até 2022. “Vamos continuar com o Bolsa Família e ponto final", afirmou o presidente em vídeo publicado em suas redes sociais.

Bolsonaro reagiu à declaração do secretário Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues. Em entrevista ao site G1, o secretário defendeu a desvinculação de benefícios previdenciários como aposentadorias e pensões do salário mínimo.

A medida defendida por Waldery abriria espaço no orçamento para financiar o Renda Brasil, já que, na prática, a desvinculação acarretaria no congelamento das aposentadorias. Segundo Rodrigues, ficariam sem reajuste por dois anos aposentadorias no valor de um salário mínimo, assim como benefícios com valores mais altos.

As aposentadorias e pensões hoje são reajustadas anualmente de acordo com o salário mínimo, que também tem reajuste anual. O reajuste acaba sendo pelo menos pela inflação porque a Constituição determina que o aumento do mínimo não possa ser abaixo disso.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

08:19 Saúde