quinta-feira, 09 julho 2020
Fale Conosco | (24)3343-5229

Política

BM tem 1ª pré-candidatura com proposta de mandato coletivo

30/06/2020 10:47:44

Marcos, ao lado do filho, no PAC de Barra Mansa

Ainda uma novidade no Brasil, Barra Mansa tem este ano um pré-candidato a vereador com proposta de um mandato coletivo. O nome escolhido foi o do engenheiro, professor e ex-presidente do Saae Marcos Marques. Ele deverá concorrer pelo PSB, partido que preside na cidade, representando o Coletivo Artesão (Colar), que reúne integrantes da cultura na cidade. Marcos, que também é poeta, ainda é administrador do Ponto de Ação Cultural (PAC).

“Estava afastado da política partidária desde 2001 por motivo de doença na família. O retorno através de um mandato coletivo é um novo desafio, que estimula a criatividade e abre caminho para novos líderes em cargos públicos. A aceitação está sendo muita boa”, disse o pré-candidato ao FOCO REGIONAL.

Ele destaca que o mandato coletivo é uma nova forma de representação, mais democrática, onde o político se compromete a dividir o mandato e gabinete com uma rede de pessoas voluntárias, que comungam das mesmas propostas de políticas públicas. Além do compartilhamento da gestão do mandato, o político toma decisões de acordo com as deliberações do “time”, no caso, “covereadores”.

Marcos lembra que, em 2007, um grupo de 20 pessoas ligadas à cultura o levou a assumir a administração do PAC, um dos pontos tradicionais da cultura barramansense.

“Foi criada uma associação, com apoio da comunidade e adotamos uma gestão compartilhada para a preservação do patrimônio cultural – a edificação peculiar da Casa de Cultura e do seu acervo artístico – e para promoção das atividades artísticas-culturais com talentos da região. O sucesso desse trabalho ao longo dos anos deu origem a quatro novos projetos: Atelier Escola, Grupo Casa Amarela, Mercadores do Vale e Coletivo Artesão”, conta o pré-candidato.

Com isso, acrescenta, o PAC se tornou Ponto de Cultura pela Lei Cultura Viva e, desde 2013, tem representante eleito para o Conselho Municipal de Cultura de Barra Mansa. “O que nos levou a tomar a decisão de agora viabilizar um candidato a vereador com mandato coletivo é pela nossa história e pelo fato de que nas duas eleições municipais anteriores escolhemos líderes de fora do nosso grupo para nos representar. Eles foram eleitos, mas não cumpriram os acordos das políticas públicas que defendemos”, explica.

Para a eleição municipal deste ano, os líderes do grupo formado a partir do PAC decidiram lançar um pré-candidato a vereador no formato de mandato coletivo, sob a denominação do Colar, mas aberto a outros grupos que compartilhem das mesmas propostas voltadas, segundo eles, para cultura, educação, saneamento, seguridade social, território e economia criativa.

De acordo com o grupo, o nome de Marcos Marques foi escolhido por ser ele o membro com mais experiência e vivência, O pré-candidato tem 69 anos e, além de sua atividade profissional (trabalhou na CSN, em Volta Redonda), está fortemente ligado à cultura de Barra Mansa. Autor do livro “Palavras Poéticas de um Sonhador”, publicado em 2002, Marcos fundou e presidiu, de 1080 a 85, o Bloco Carnavalesco Uma Boa.

Comentários via Facebook

(O Foco Regional não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

10:32 Cidades