sexta-feira, 15 dezembro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Polícia

15 jovens de VR são presos em Piraí por apologia ao crime

Menor foi apreendida em excursão que voltava de baile funk no Rio

17/09/2017 17:48:51

O delegado de Piraí Michel Floroschk determinou a prisão em flagrante, na manhã deste domingo, de 15 jovens residentes em Volta Redonda. Eles retornavam de um baile funk realizado na cidade do Rio de Janeiro.

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida.  Os maiores de idade vão responder por apologia ao crime, posse de drogas para consumo próprio e corrupção de menor.

O micro-ônibus em que estava o grupo chamou a atenção de uma equipe da Polícia Militar nas proximidades do Posto Nacional, no km 237 da Via Dutra, sentido São Paulo. Segundo o registro feito na delegacia de Piraí, eles tiveram a atenção despertada para o veículo devido à altura do som, executando o chamado “funk proibidão”, cujas letras fazem apologia ao crime.

Os policiais militares relataram na delegacia que, ao perceberem que o micro-ônibus seria revistado, houve tumulto dentro do veículo, pois os passageiros jogaram diversos sacolés de cocaína e maconha embaixo dos bancos, sendo que nenhum quis assumir a propriedade das drogas. Ainda no micro, eles apreenderam com uma jovem um frasco de cheirinho da loló e, com um rapaz, dois comprimidos de ecstasy.

Dos presos em flagrante, cinco são mulheres. Eles se reservaram ao direito de permanecer em silêncio. Floroschk determinou ainda o encaminhamento da menor à Promotoria da Infância e da Juventude.

O motorista do micro, que foi liberado após prestar depoimento, contou que foi contratado para fazer a viagem entre Volta Redonda e o bairro da Penha, na capital, e que antes da partida teria alertado o grupo que não queria “problemas com drogas”, pois tem conhecimento de outros casos de passageiros que vão a bailes funk no Rio para adquirir drogas. Ele disse ainda que pegou os jovens no final da noite de sábado num posto de combustíveis da Avenida Amaral Peixoto, no Centro da cidade, e alegou não ter conhecimento de que entre eles havia uma menor de idade.

No depoimento, o motorista contou que tanto na ida quanto na volta – a saída do Rio foi por volta das 7h30min deste domingo – os passageiros foram “entoando frases exaltando a criminalidade” e ouvindo o funk com apologia ao crime num pen drive, que foi apreendido.

O delegado disse que, sem entrar no mérito do gosto musical dos presos, “é triste perceber que a juventude tomou como balizas a criminalidade explorada nas mídias, vida fácil onde o bom é delinquir, trair, roubar, matar, usar drogas e tudo o que exista de mais devastador”.

+ Lidas

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional

Tempo Real

16:47 Cidades