terça-feira, 17 outubro 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Colunas

por: Ingridy Ribeiro

Hashtag gratidão

26/05/2017 09:10

A palavra gratidão nunca esteve tão em evidência. Ela está estampada nas hashtags, nos emoticons, nas legendas das fotos zen, perpetuada na pele das pessoas em forma de tatuagem, no livro sagrado e agora na neurociência.

Há quem diga que a gratidão está banalizada... Eu só posso dizer que agradecer é algo que aos poucos se tornou um hábito que faz toda a diferença na minha vida.

Imagine uma cidade praticamente perfeita. Lá não tem trânsito, o sistema público funciona, as pessoas são cordiais, não existe violência e a natureza é exuberante. Você poderia viver lá feliz para sempre. Ah, só tem um pequeno detalhe: há um buraco gigantesco na avenida principal da cidade.

Se você coloca o seu foco nos aspectos positivos da cidade, provavelmente teria uma vida feliz vivendo nela. Mas o que acontece é que a maioria das pessoas não está habituada a focar nos aspectos positivos, pelo contrário, a maioria se concentra no buraco da avenida principal.

Quando nos concentramos no que já temos, nos sentimos muito melhores do que quando colocamos o foco naquilo que nos falta. O fato é que você não pode se sentir mal e bem ao mesmo tempo. Estudiosos dizem que o nosso cérebro não é capaz de sentir, ao mesmo tempo, gratidão e infelicidade.  A escolha é sua.

Quero incentivá-lo a deslocar a sua atenção dos buracos da vida e escolher dar mais atenção ao que faz você se sentir bem. Praticar a gratidão é um treino maravilhoso para isso. Confia em mim: não é difícil e fará uma enorme diferença na sua vida.

A gratidão nos ajuda a treinar um olhar para o positivo ao invés do negativo, da solução ao invés do problema. A gratidão significa que, seja como for, eu vou tentar encontrar algo bom na minha vida. O sentimento de gratidão muda a nossa percepção e, portanto, não é uma escolha romântica, é uma escolha inteligente. 

Exercite a gratidão diariamente e experimente mais satisfação com a vida, mais vitalidade, mais otimismo, mais tranquilidade, menos ansiedade e medo. Faça uma lista de coisas que você já tem e que um dia já foram um objetivo, um sonho, um desejo. Pense em todas as coisas que gostaria de fazer e fez. Pense em todas as pessoas pelas quais você é grato em ter na vida. Mas atenção: a gratidão não deve ser só um sentimento, ela precisa se concretizar em ações. Por isso, agradeça as pessoas sempre que houver a oportunidade.

Se você realmente quer ser mais feliz, adote genuinamente – e não por modismo – a gratidão, entre agora nessa bolha e não saia mais de lá.

Gratidão por poder compartilhar esse conteúdo com você, caro leitor.

Conta para mim: você é grato pelo quê?

Se este conteúdo foi útil para você, compartilhe com as pessoas que você gosta e inspire transformações.

Até a próxima!

Ingridy Ribeiro é Coach de Vida & Carreira. Escreve às sextas-feiras

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional