quinta-feira, 25 maio 2017
Fale Conosco | (24)3343-5229

Colunas

Esporte

por: Filipe Cury

Futebol: Muito mais do que um jogo

11/07/2016 17:41

A inédita conquista da Eurocopa pela seleção de Portugal, com a vitória de 1 a 0 sobre a França, no domingo, contrariou mais uma vez a tese de que o futebol é “somente” um jogo com dribles e gols bonitos. O Stade de France foi palco não só de um título com sabor especial para os portugueses. A noite não foi inesquecível somente para uma torcida. O dia 10 de julho de 2016 não ficará marcado somente por Éder conseguir acertar um chute de fora da área após seu time ser salvo por uma bola na trave aos 46 minutos do segundo tempo.

A partida ficou marcada pelos gestos. Pelo choro de um craque que levou a sua seleção nas costas durante todo o campeonato para no início da primeira etapa ser obrigado a sair de maca por conta de uma lesão no joelho. Pelo choro do mesmo craque que viu seu time se tornar gigante ao não se contentar com sua saída e, mesmo assim, conseguir triunfar na partida, levando um título inédito para uma torcida sem esperanças, que já havia se decepcionado com Figo e Eusébio.

O jogo ficou marcado pelo respeito que precisa prevalecer, seja ele imposto por nações diferentes ou iguais. Pela humildade de uma criança torcedora de Portugal – imagem que se espalhou pelo mundo –  ao consolar um jovem torcedor francês, aos trancos e barrancos, não aceitando ter visto o seu time perder dentro de casa. Pelo espetáculo, é claro, que os times apresentaram dentro de campo, mesmo sem grandes referências.

Para muitos brasileiros como eu, que tem antipatia pela França por causa das derrotas na final da Copa do Mundo de 1998 e pela derrota no mata-mata, em 2006, foi um dia festivo. Comemorei, e muito, por detestar a França, assim como a Argentina, mas, acima de tudo, me fez ter certeza de que a final de ontem fez muitos chegarem à conclusão de que o futebol proporciona emoções infinitamente maiores do que qualquer outra coisa. Uma mistura de amor, ódio, felicidade, angústia e paixão.

E talvez seja essa a graça que faz dele um esporte tão empolgante e admirável. Seja em qualquer canto do planeta, impossível não amar.

Filipe Cury é estudante de jornalismo e faz estágio no FOCO REGIONAL.  

E-mail: filipecury93@gmail.com

Em foco

Notícias primeiro na sua mão

Primeiro cadastre seu celular ou email para receber as ultimas notícias.

Curta nossa fan page, receba todas as atualizações - Foco Regional